Maria Laranjeira

O belo Rio de Janeiro a desenhar-lhe aquele sorriso com meiguice na voz e o Corcovado, imponente, a inspirá-la para o voo.

Ali nasceu, numa felicidade cúmplice com mãe, pai e irmão, vivendo em harmonia de lar amoroso, como sempre diz. A valorização familiar em relação ao desporto, com ciência e técnica, deu-lhe a tónica dos seus tempos de infância e juventude, num frenesim de treinos e viagens para fazer competição, sob a bela arte do Karaté. Vinte e uma vezes campeã carioca, atleta da Seleção do Estado do Rio de Janeiro e da Seleção Brasileira. Saboreou vitórias, culturas, mundo…

Quando já adulta, nasceram-lhe três maravilhosos filhos de um casamento que teve fim. Mas Gabriel, Júlia e Rafael foram, são e serão os seus rebentos de vida perpetuada em flores de jardim. Afinal, não é sem razão que tem primavera no nome.

Anos atrás, vinda de férias a Portugal, apaixonou-se pela tranquilidade deste país e também por alguém…

Fabiana Jardim
Fabiana Jardim

Desgostosa com a insegurança do Rio de Janeiro, receosa pelos seus filhos e com a ideia bem romântica de um amor maior que, como mulher, sempre se lhe desculpa, lá veio ela para Portugal e, especialmente, para a Lousã, largando vida estável economicamente, mas não emocionalmente.

No entanto, a paixão pela Lousã e, da Lousã, por ela, foi mais firme do que qualquer outra…

Integração dos filhos? Quem é que não se integra rapidamente num ambiente de afabilidade e de paz? É que já nenhum deles pensa abrir mão da Lousã! Assim, é ver esta mãe orgulhosa da sua opção, mesmo que o seu coração se tenha vindo a encher, em Portugal, quase exclusivamente desta cumplicidade atávica. E até diz, com orgulho, que o Gabriel, a Júlia e o Rafael, são os seus três portugueses preferidos.

O Gabriel enveredou pelo mundo da Cozinha, Pastelaria, Restauração e Bar, fez estágios em Roma e Berlim, devido aos seus excelentes resultados, e chegou mesmo a criar, para a sua Prova de Aptidão Profissional, um Gelado de Licor Beirão com Brownies de Nozes. Que delícia deve ser…

A Júlia seguiu os passos da mãe, tendo-se sagrado Campeã Nacional Juvenil de Judo, obtendo um Prémio na Gala do Desporto da Câmara Municipal da Lousã e sendo convocada para a Seleção Nacional Portuguesa respetiva. 

Quanto ao Rafael, para já, prepara-se para ser um excelente comunicador, pela graça das anedotas que conta, à mesa, fazendo rir toda a família.

E a vida vai correndo, apesar desta mulher, que já foi atriz de telenovela, aguardar por melhores dias, a nível profissional. O voluntariado é uma das suas ocupações, especialmente na área do desporto.

Sente-se segura. Tem bons amigos. Mãe e filhos, todos com nacionalidade portuguesa.

Quando lhe perguntam como se sente em relação aos seus dois países, responde: – O meu sangue é Brasileiro, mas o meu coração é Português, é Lousanense. E aqui, sim, ele está tranquilo!

Fabiana Jardim – nasceu no Rio de Janeiro em 1977

Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais artigos por admin
Carregar mais artigos em Opinião

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Veja também

Dia 26 votamos em três boletins

Serão apresentados três boletins de voto ao eleitor: um branco para a Assembleia de Fregue…