Quanto aos NGK, com sede em Miranda do Corvo e já com 23 anos de atividade, “continuaram a ensaiar dentro dos possíveis”. Quem o diz é Luís Costa, vocalista e líder deste grupo de baile obrigado a parar por causa da Covid-19.

Carlos Sêco

Saiba mais na edição impressa do Trevim n.º1459

Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais artigos por admin
Carregar mais artigos em Sociedade

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Veja também

Mulher que vieste de longe…

Ouvir Maria Laranjeira Passo o portão do Parque Carlos Reis e ela está sentada, ao fundo, …