Passados 18 anos da criação da autarquia das Gândaras, celebrou-se, dias 6 e 7 de julho, a segunda edição das comemorações do Dia da Freguesia, com um programa repleto de animação e também com um momento para prestar homenagem a alguns gandarinhos.

Na sessão solene que decorreu dia 6, a Junta de Freguesia, representada pela presidente Sandra Fernandes, reconheceu publicamente, como cidadão benemérito, João Bernardo Lopes, responsável pela fundação da Comissão Dinamizadora Pró-Criação da Freguesia das Gândaras, cujos esforços culminaram na instituição desta nova autarquia a 3 de julho de 2001.

Na sua intervenção, o homenageado dirigiu-se aos presentes alertando para a participação ativa dos cidadãos nas questões da freguesia, que “foi criada para emancipação do povo gandarinho”. “Ainda agora a Câmara lançou o orçamento participativo e eu pergunto, qual foi o assunto para que as Gândaras se candidatou”, questionou, perguntando ainda se os gandarinhos “estão interessados” e se “votam”. Na opinião do colaborador do Trevim, “há um desinteresse total nas Gândaras”, exortando os conterrâneos a que “deixem de falar por fora e falem nas assembleias”.

Presidente da Junta destaca importância social de Desporto

Para a presidente da Junta, “o desporto tem assumido uma grande importância para a freguesia, principalmente em termos sociais, pois é uma mais valia na formação das crianças e jovens e promove acima de tudo hábitos de vida saudáveis”. Neste sentido, os resultados alcançados por alguns atletas locais levaram à distinção da equipa de infantis do Clube Académico das Gândaras, vencedora da Fase Final 2 do Campeonato Distrital de Infantis em futebol de 7, e que ficou em 1.º lugar no Torneio de Infantis apadrinhado pelo jogador Hugo Seco. Os pequenos futebolistas e os seus treinadores, Rafael Vaz e Alberto Teixeira, foram reconhecidos com o prémio de Mérito Desportivo.

O executivo galardoou também os judocas gandarinhos Francisco Santos e Afonso Coimbra, bem como os mestres Márcio Carinhas e Luís Nogueira, do Montanha Clube da Lousã, reconhecendo o seu “trabalho, motivação e dedicação”.

Leia a notícia completa na edição impressa do Trevim N.º1409

Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais artigos por 
Carregar mais artigos em Arquivo
Secção de comentários fechada.

Veja também

Quatro detidos em festa ilegal com 31 pessoas no Catarredor

A detenção surgiu na sequência de uma denúncia de uma festa numa moradia, na aldeia do Cat…