Centenas de pessoas encheram o Cineteatro da Lousã, este domingo, dia 2, para o lançamento do livro “Uma mãe de F.I.R.E.S”, escrito pela lousanense Carla Sofia Dias. A história relatada é verídica e baseia-se nos episódios vividos desde que a sua filha Isa foi diagnosticada com Síndrome de Epilepsia Relacionada à Infeção Febril (F.I.R.E.S).

A Isa, que brindou os presentes com a sua presença, foi uma menina saudável até aos dez meses de vida. Teve a primeira convulsão a 10 de abril de 2017, ao que se seguiram semanas de internamento, que culminaram naquele diagnóstico. Mesmo não seguindo a opinião da neurologista da criança, a mãe arriscou administrar “canabidiol”, extrato de canábis, depois de ter conhecimento de vários casos de crianças cujas “crises” diminuíram com a ingestão deste produto, vendido em Portugal como suplemento alimentar.

Leia a notícia completa na edição impressa do Trevim n.º 1393

Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais artigos por Márcio Carinhas
Carregar mais artigos em Arquivo
Secção de comentários fechada.

Veja também

ADFP quer móveis trazidos por refugiados sírios

Ouvir Após os 18 meses em que esteve acolhida pela Fundação ADFP, de Miranda do Corvo, no …