Olhar o património da Lousã “de dentro para fora e fora para dentro” foi o principal mote da atividade “Memórias Habitadas”, uma das ações do programa promovido pela Câmara Municipal da Lousã no âmbito das Comemorações das Jornadas Europeias do Património (JEP) 2018.

Durante os dias 28, 29 e 30 de setembro, centenas de participantes integraram várias ações de rua e atividades em diversos locais da Lousã com o objetivo de “enriquecer a experiência cívica da partilha de memórias”.

Dia 29, o Museu Municipal Prof. Álvaro Viana de Lemos recebeu meia centena de pessoas, lousanenses e alunos do Mestrado de Reabilitação de Edifícios da Universidade de Coimbra (UC) acompanhados por José António Raimundo Mendes da Silva, professor do Departamento de Engenharia Civil da UC, para a ação “Memórias Habitadas”.

Leia a notícia completa na edição impressa do Trevim nº 1389

Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais artigos por 
Carregar mais artigos em Arquivo
Secção de comentários fechada.

Veja também

Quatro detidos em festa ilegal com 31 pessoas no Catarredor

A detenção surgiu na sequência de uma denúncia de uma festa numa moradia, na aldeia do Cat…