Dia 15 de setembro, amigos e familiares do fotógrafo Luís Garção juntaram-se no Museu Municipal Prof. Álvaro Viana de Lemos para a inauguração da exposição “Fragmentos”.

A mostra, organizada pela Câmara Municipal da Lousã, é composta por cerca de duas dezenas e meia de imagens, algumas capturadas há 20 anos, numa compilação em que todas as fotografias têm presente o elemento humano.

“É uma história inacabada, contada de quem a capturou, percebida à frente de quem a observa”, palavras de Manuel Rocha, amigo do fotógrafo, escritas no folheto de apresentação da exposição.

Leia a notícia completa na edição impressa do Trevim nº 1388

Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais artigos por 
Carregar mais artigos em Arquivo
Secção de comentários fechada.

Veja também

Quatro detidos em festa ilegal com 31 pessoas no Catarredor

A detenção surgiu na sequência de uma denúncia de uma festa numa moradia, na aldeia do Cat…