Foi adiado para dia 31 de maio o prazo para a limpeza de terrenos junto das moradias isoladas e dos aglomerados populacionais

Esta medida ajuda os proprietários florestais a respirar de alívio, já que têm mais tempo agora para compreender melhor em que consistem as alterações ao Decreto-Lei n.º 124/2006, na sua nova redação (Lei n.º 114/2017, de 29/12), que obriga à criação de faixas de gestão de combustível ao redor das edificações e dos aglomerados populacionais.  Tendo ficado de fora das primeiras 11 ações de informação para a criação de faixas de gestão de combustível, por uma questão de prioridade na ação, a freguesia de Serpins recebeu na sexta-feira, dia 23, a equipa de Proteção Florestal do Núcleo de Proteção Ambiental da GNR da Lousã,  para uma ação de informação com enfoque na recuperação de áreas ardidas (…)

Leia esta e outras notícias na edição 1375 do Trevim, já nas bancas!

Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais artigos por Márcio Carinhas
Carregar mais artigos em Arquivo
Secção de comentários fechada.

Veja também

ADFP quer móveis trazidos por refugiados sírios

Ouvir Após os 18 meses em que esteve acolhida pela Fundação ADFP, de Miranda do Corvo, no …