Eduardo Bolsa Neves continua com muitos motivos para sorrir. A sua participação na competição “Ballet Beyond Borders”, de 9 a 13 de janeiro, em Missoula (Estado do Montana, EUA) valeu-lhe duas medalhas de prata e um prémio de excelência atribuído por um dos elementos do júri, a ex-bailarina Merritt Moore, para quem o lousanense foi o seu bailarino preferido da competição.

Eduardo Bolsa Neves foi representar Portugal em conjunto com duas colegas do Conservatório Internacional Privado de Ballet e Dança Annarella Sanchez.

Uma das medalhas de prata foi atribuída ao bailarino pelo solo contemporâneo com a música “My Way” de Frank Sinatra e coreografia de Enrique Perez Cancio. A outra foi entregue pela sua participação no dueto de contemporâneo com a bailarina Eva Branco, também portuguesa e aluna da Academia Annarella e finalista do programa de talentos “Got Talent Portugal”.

Nesta competição participaram bailarinos profissionais e estudantes de dança de todo o mundo.

Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais artigos por Márcio Carinhas
Carregar mais artigos em Arquivo
Secção de comentários fechada.

Veja também

ADFP quer móveis trazidos por refugiados sírios

Ouvir Após os 18 meses em que esteve acolhida pela Fundação ADFP, de Miranda do Corvo, no …