O antigo hospital de São João, onde esteve instalado o Centro de Saúde da Lousã, vai sofrer obras de requalificação e adaptação para criação de unidade de cuidados de saúde

“Este é o projeto da minha vida. Sou enfermeira chefe numa IPSS em Lisboa e encontrei aqui condições favoráveis”, referiu a promotora Ângela Ferreira durante a cerimónia de lançamento da primeira pedra das obras de remodelação do Hospital de São João, que decorreu à entrada do edifício, no feriado municipal, dia 24. A futura unidade de saúde, pertencente à empresa Prevenir e Cuidar, Serviços Médicos e de Enfermagem Unipessoal, Lda., vai ter vários serviços e valências nomeadamente meios auxiliares de diagnóstico, hemodiálise, fi sioterapia, terapia da fala, terapia ocupacional, e ainda uma unidade de cuidados paliativos com capacidade para 37 camas (…)

Leia estas e outras notícias na edição 1356, de 6 de julho

Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais artigos por Márcio Carinhas
Carregar mais artigos em Arquivo
Secção de comentários fechada.

Veja também

ADFP quer móveis trazidos por refugiados sírios

Ouvir Após os 18 meses em que esteve acolhida pela Fundação ADFP, de Miranda do Corvo, no …